Alimentos ricos em vitamina D2 e D3

Conhecer os alimentos ricos em vitamina D2 E D3, pois apesar de que você pode adquiri-lo a partir da exposição aos raios solares, se habitas um país onde não chega o sol adequadamente, pode-se dizer que o sol é a fonte principal, no entanto, também é importante que a obtiver, a partir da alimentação.
É por isso que eu vou detalhar os alimentos ricos em vitamina C.
Muitos produtos alimentícios contendo em sua forma original, mas depois do processo de industrialização se perde e é por isso que são fortificados. Por exemplo, é comum que possa comprar pão, produtos de pastelaria, cereais, macarrão ou macarrão, margarina, iogurte e leite fortificados com essa vitamina, que geralmente se fortalecem com a D2 e D3.
Para cada xícara de estes alimentos fortificados você estará recebendo um aporte de 0,025 MG (equivale a 1 UI)
Uma quantidade igual à quarta parte do requerimento diário.


Alimentos ricos em vitamina D


Não obstante a sua alimentação diária pode incluir outros produtos alimentícios como a carne de peixe.
Por exemplo, a carne do peixe-gato ou do bagre lhe traz 425 UI por cada 85 gramas, o que significa que você está cobrindo o 112.5% recomendado se você é adulto.
Entre as carnes de peixe, salmão, por cada 100 gramas estará adquirindo 360 UI, o que significa um aporte que chega a 90% do requerimento diário.
A carne de cavala, por cada 100 gramas você estará contribuindo 345 UI, o que significa 90% do requerimento diário.
O atum em lata e em óleo, para cada 85 gramas você estará contribuindo com 200 UI, o que equivale a 50% do requerimento diário.
As sardinhas em lata e em óleo, depois de escorrê-las, por cada 50 gramas fornece 70% do requerimento diário.
A carne de enguia por cada 100 gramas fornece a 200 UI, o que significa 50% do requerimento diário.
Se bem que a carne de peixe é a mais alta fonte desta vitamina, também pode adquirir a partir de outros alimentos como:
O fígado de vitela por cada 100 gramas fornece a 15 UI, o que significa 4% do requerimento diário.
O ovo inteiro te traz 20 UI, o que equivale a 6% do requerimento diário.
O óleo de fígado de peixe, por cada colher de sopa te traz 1360 UI e estará significando a 360% do requerimento diário. No entanto, neste caso, é importante que, ao comprar este tipo de óleo ler o rótulo, já que muitas vezes lhes extrai da vitamina.
Outros são a margarina, queijos gordos, o bonito, os cogumelos e os boqueirões.
Dado que com o avanço da idade, o corpo perde a capacidade de sintetizar a partir dos raios solares é importante adquiri-lo através da ingestão de alguns alimentos que eles trazem.
Por outro lado, também é fundamental que não deixe de ler: Insuficiência de vitamina D.
Apesar de que um excesso dela é raro, ao recebê-la excessivamente pode levar a sérios problemas de saúde entre, por exemplo, doenças renais, doenças do pulmão e doenças do coração.
Sua função sobre o organismo tem importância sobretudo porque ajuda a absorção do fósforo e do cálcio, graças à interação da hormona paratiróide, portanto, essencial para a saúde dos ossos e dos dentes.
Tenha em conta levar a cabo uma dieta variada e balanceada com alimentos ricos em vitamina D2 e D3.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *