Notícias

Quilombolas do Maranhão critiam governo da Rosaena Sarney

19/Jun/2012 Por Jornal Vias de Fato

Um grupo com cerca de 150 lavradores quilombolas, de aproximadamente 40 diferentes comunidades do Maranhão, ocupou hoje (18), no início da tarde, a sede do ITERMA (Instituto de Colonização e Terras do Maranhão). Eles estavam acompanhados de agentes da Comissão Pastoral da Terra (CPT). Além da pauta específica de cada comunidade, ligada a posse dos territórios, a ação é um protesto em relação às inúmeras terras públicas do Estado, que estão griladas, segundo eles, com a conivência do Governo de Roseana Sarney. Além disso, os manifestantes, que integram o Movimento dos Quilombolas do Maranhão (MOQUIBOM), reclamam do Sistema de Segurança estadual, que nada faz para conter os vários casos de violência no campo.

veja mais no www.viasdefato.jor.br




Comentários